Em Israel é o dia de lembrar o genocídio que levou à morte mais de seis milhões de judeus na Segunda Guerra Mundial. Trata-se do Dia do Holocausto, ou Yom Hashoá, em Hebraico.

O ritual é tão importante que muitos judeus do mundo inteiro viajam à Polônia para relembrar o horror nazista numa viagem chamada Marcha da Vida, incluíndo aí muitos brasileiros.

É um dia de luto. Os estabelecimentos comerciais fecham, as tevês exibem programas, documentários e especiais que discutem a tragédia ocorrida há mais de 60 anos . Um dos momentos mais simbólicos do dia acontece às 10h, quando uma sirene ecoa por todo o país. Ela indica que é hora de todos pararem tudo o que estiverem fazendo e dedicar um minuto de silêncio por aqueles que se foram. É como se a população, o país inteiro congelasse por um minuto. Nem o trânsito escapa.

O filme em questão foi registrado em Abril de 2008.

Comentar

Você precisa ser um membro de Cafe Historia para adicionar comentários!

Entrar em Cafe Historia

Comentário de Stefano em 29 abril 2011 às 18:21
é uma hipocrisia Israel lembrar desse dia
Comentário de sheyla martim em 9 junho 2010 às 16:54
Essa é a melhor homenagem que se poderia fazer a seres humanos que sofreram tamanha violência.

Links Patrocinados

Cine História

Era uma vez em Nova York

Acaba de chegar aos cinemas brasileiros o filme "Era uma vez em Nova York", do diretor James Gray ("Amantes", "Os Donos da Noite").

Sinopse: Em 1921, as irmãs polonesas Magda (Angela Sarafyan) e Ewa Cybulski (Marion Cotillard) partem em direção a Nova Iorque, em busca de uma vida melhor. Mas, assim que chegam, Magda fica doente e Ewa, sem ter a quem recorrer, acaba nas mãos do cafetão Bruno (Joaquin Phoenix), que a explora em uma rede de prostituição. A chegada de Orlando (Jeremy Renner), mágico e primo de Bruno, mostra um novo amor e um novo caminho para Ewa, mas o ciúme do cafetão acaba provocando uma tragédia.

café história acadêmico

Maquiavel: confira na íntegra a dissertação "O Fantasma de Maquiavel: Antimaquiavelismo e razão de Estado no pensamento político ibérico do século XVI", defendida por Bruno Silva de Souza, Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

EVENTO EM DESTAQUE

Parceiros


Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

Atenção!

O Café História respeita a opinião de todos nos mais diversos espaços da rede. Reserva-se, no entanto, o direito de suspender textos de teor ofensivo, agressivo ou que sustente preconceitos de qualquer ordem, que promovam a violência ou que estejam em desacordo com o bom senso e as leis brasileiras. Da mesma forma, o Café História poderá suspender membros que publiquem este tipo de conteúdo. Se identificar algum conteúdo ofensivo ou comportamentos inadequados, por favor notifique-nos: cafehistoria@gmail.com

© 2014   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }