Em Israel é o dia de lembrar o genocídio que levou à morte mais de seis milhões de judeus na Segunda Guerra Mundial. Trata-se do Dia do Holocausto, ou Yom Hashoá, em Hebraico.

O ritual é tão importante que muitos judeus do mundo inteiro viajam à Polônia para relembrar o horror nazista numa viagem chamada Marcha da Vida, incluíndo aí muitos brasileiros.

É um dia de luto. Os estabelecimentos comerciais fecham, as tevês exibem programas, documentários e especiais que discutem a tragédia ocorrida há mais de 60 anos . Um dos momentos mais simbólicos do dia acontece às 10h, quando uma sirene ecoa por todo o país. Ela indica que é hora de todos pararem tudo o que estiverem fazendo e dedicar um minuto de silêncio por aqueles que se foram. É como se a população, o país inteiro congelasse por um minuto. Nem o trânsito escapa.

O filme em questão foi registrado em Abril de 2008.

Comentar

Você precisa ser um membro de Cafe Historia para adicionar comentários!

Entrar em Cafe Historia

Comentário de Stefano em 29 abril 2011 às 18:21
é uma hipocrisia Israel lembrar desse dia
Comentário de sheyla martim em 9 junho 2010 às 16:54
Essa é a melhor homenagem que se poderia fazer a seres humanos que sofreram tamanha violência.

Links Patrocinados

Cine História

A Oeste do fim do mundo

Está em cartaz nos cinemas brasileiros a co-produção Brasil-Aregentina, "A Oeste do fim do fo mundo", de Paulo Nascimento.

Sinopse: Leon (César Troncoso) é um homem introspectivo que vive em um velho posto de gasolina, perdido na imensidão da estrada transcontinental entre a Argentina e o Chile. Seu único amigo é Silas (Nelson Diniz), um brasileiro que volta e meia o visita para trazer peças para consertar a moto dele. Um dia, a paz de Leon é abalada com a chegada de Ana (Fernanda Moro), uma mulher que escapou da tentativa de abuso sexual de um caminhoneiro com quem tinha pego carona. Sem ter para onde ir e no meio do deserto, Ana recebe abrigo de Leon inicialmente para apenas um dia. Só que o tempo passa e ela não consegue sair do local.

café história acadêmico

Felipe II: confira na íntegra a tese de doutorado do historiador José Carlos Vilardaga: "São Paulo na órbita do Império dos Felipes: conexões castelhanas de uma vila da América Portuguesa durante a União Ibérica (1580-1640)". O trabalho foi defendido em 2011 na Universidade de São Paulo.

EVENTO EM DESTAQUE

Parceiros


Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

© 2014   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }