A importância do trabalho de Debret para a história do Brasil

Estou pesquisando e desenvolvendo um trabalho voltado para Debret e a importância que esse artista deixou para a história do Brasil, ao começar por sua vinda ao Brasil. Debret era um dos integrantes da Missão Artítica Francesa que em 1816 chegava ao país, com o objetivo de preparar culturalmente o país sede da Monarquia Portuguesa, atendendo os pedidos de D. João VI, a Missão se encarregaria de incentivar as artes no Brasil e assim tona-se oficial o estudo de Educação Artística no Brasil. Chama-me atenção o fato de Debret na ocasião de sua chegada conincidentemente com a morte da rainha D. Maria, Debret a retrata, assim como também o momento da aclamação de D. João VI, torna-se Debret o pintor oficial da corte portuguesa e passa a retratar todos os momentos referentes a Monarquia no Brasil. Ao longo dos 16 anos que Debrte esteve no Brasil pôde nos deixar um enorme legado cultural, suas obras, que sempre a vêmos nos livros de História e faz uma ponte entre os textos escritos. Debret apaixonou-se pelo o Brasil, e passou a retratar facilmente o cotidiano da época e em minha pesquisa além de ressaltar a importância desse nome para o Brasil, busco também propôr aos professores que trabalhem as imagens de Debret nos livros didáticos, como recurso visual importantíssimo para a compreensão historiográfica.

Exibições: 4005

Tags: Debret

Comentar

Você precisa ser um membro de Cafe Historia para adicionar comentários!

Entrar em Cafe Historia

Comentário de Gustavo Soares de Lima em 31 julho 2009 às 23:45
se não me engano é possível visualizar as obras dele no site do Itau Cultural

Links Patrocinados

EVENTO EM DESTAQUE

café história acadêmico

Período Regencial: Confira na íntegra o artigo "Revisitando o passado em tempos de crise: federalismo e memória no período regencial (1831-1840), de Luiz Geraldo Santos da Silva e Ariel Feldman. Clique aqui

Cine História

Ida

Premiado na última cerimônia do Osar, o polonês "Ida" é uma das mais interessantes produções atualmente em cartaz no Brasil.

Sinopse: A jovem noviça Anna (Agata Trzebuchowska) está pronta para prestar seus votos e se tornar freira, só que antes disso, por insistência da Madre Superiora (Halina  Skoczynska), vai visitar a única familiar restante: tia Wanda (Agata Kulesza), uma mulher cínica e mundana, defensora do Partido Comunista, que revela segredos sobre o seu passado. O nome real de Anna é Ida, e sua família era judia, capturada e morta pelos nazistas. Após essa revelação, as duas resolvem partir em uma jornada de autoconhecimento, para descobrir o real desfecho da história da família e onde cada uma delas pertence na sociedade.

Parceiros


Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

© 2015   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }