fabricio moreira dos santos
  • Masculino
  • teresina
  • Brasil
Compartilhar Twitter

Amigos de Fabricio moreira dos santos

  • Thaty Crys
  • Jessyca Maria Lima e Silva.
  • George Meneses da Rocha
  • Janaine Marques Leal
  • Alessandra Maisen
  • Manuela Santos
  • Mary Del Priore
  • Cleanne Nayara Galiza Colaço
  • talyta marjorie lira sousa
  • Tatielle Santos brito
  • Natália Tuler
  • Andressa Domanski
  • Amanda Pinheiro
  • luana bieger
  • Fernanda Ferreira Rigo

Discussões de fabricio moreira dos santos

Qual a função social da história ?

Iniciou esta discussão. Última resposta de _NãoAcredite. Pense! (Dino) 5 Jun, 2010. 5 Respostas

discutir as varias maneiras de se analisar os fatos como participes na construçao de historia problematizadora.

 

Bem-vindo(a), fabricio moreira dos santos!

Informações do Perfil

Sobre mim
sou rapaz que gosta de ler, me informar com o que acontece com mundo, enfim, um estudioso e gosto de cantar.
Atividade profissional
Estudante
Formação
Graduando
Estado
piaui
Cidade
teresina

Fotos de fabricio moreira dos santos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Blog de Fabricio moreira dos santos

uma historia politica politizada

Postado em 23 julho 2010 às 2:30 2 Comentários

disculssao de questoes relacionadas nao so com a politica brasileira, mas com a do mundo, no intuito de levantar

questionamentos sobre os problemas de nosso pais e apontar soluçoes, democratizando uma visao anti-elitista da politica nos seus varios aspectos.

Caixa de Recados (5 comentários)

Você precisa ser um membro de Cafe Historia para adicionar comentários!

Entrar em Cafe Historia

Às 6:08 em 8 novembro 2010, Mary Del Priore disse...
Pois, é Fabrício. Desde que estudo história acomapnha os modismos e quabra de paradigmas! O importante, do meu modesto ponto de vista, é a proximidade com as fontes documentais e o conhecimento proundo de arquivos. Essa é a diferença e o "fazer história". abs.
Às 21:59 em 16 outubro 2010, Manuela Santos disse...
Que Deus esteja presente em sua vida sempre. bjos
Não conseguimos viver sem Historia nós somos história.
Às 11:10 em 15 outubro 2010, Mary Del Priore disse...
Olá, Fabrício. Embora seja considerada fora de moda", a abordagem das mentalidades, substituída recentemente pela da Cultura, ainda dá muito caldo. Eu sempre procuro trabalhar com esses temas: imaginário, formas de pensar. Acho que sem eles, a história fica incompleta. Te confesso que conheço pouco sobre Estado Novo. Mas tente o Scielo ou o Google Acadêmico. Sempre tem novidades. Abs.
Às 12:21 em 21 abril 2010, Tatielle Santos brito disse...
Está aceito. Bom feriado.
Às 20:19 em 16 março 2010, Ricardo Conolly disse...
As minhas pesquisas são sobre as ELEIÇÕES PÓS-1945, no Brasil, Estado por Estado.
No SITE www.eleicoespos1945.com , no momento, inclusive, estou inserindo os resultados dos pleitos de 1945, 1947, 1950, 1954, 1958 e 1962, no PIAUÍ, para Governador e Vice-Governador do Estado, Senadores e Suplentes de Senadores da República, Deputados Federais e Deputados Estaduais.
Aceite-me como Amigo por gentileza.
Tudo de bom!
 
 
 

Links Patrocinados

EVENTO EM DESTAQUE

Cine História

Saint Laurent

Acaba de chegar aos cinemas o filme "Saint Laurent", de 

Sinopse: Entre os anos 1967 e 1976, o estilista Yves Saint-Laurent (Gaspard Ulliel) reinou sozinho no mundo da alta costura francesa. Esta biografia mostra o seu processo criativo, as fotografias e entrevistas polêmicas, a relação com o marido e empresário Pierre Berger (Jérémie Renier), os casos amorosos extra-conjugais e a relação com o álcool e as drogas, que quase destruíram o império da marca YSL.O avô húngaro de Alex Levy Heller, diretor e roteirista deste documentário, teria escondido um relógio Patek Philippe com seu irmão mais velho antes de ser preso no campo de concentração de Auschwitz. Na busca por esse objeto, Alex faz duas viagens: Uma até a Polônia - atual Romênia e a Israel - usando o relógio como pretexto para descobrir mais sobre a história da sobrevivência de sua família. Na outra, ele entrevista sobreviventes do Holocausto que vieram morar no Brasil, resgatando as memórias dos sobreviventes desse período negro da história

café história acadêmico

Arte: Leia, na íntegra e gratuitamente, o livro “A Era de Caravaggio.

Parceiros


Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

Atenção!

O Café História respeita a opinião de todos nos mais diversos espaços da rede. Reserva-se, no entanto, o direito de suspender textos de teor ofensivo, agressivo ou que sustente preconceitos de qualquer ordem, que promovam a violência ou que estejam em desacordo com o bom senso e as leis brasileiras. Da mesma forma, o Café História poderá suspender membros que publiquem este tipo de conteúdo. Se identificar algum conteúdo ofensivo ou comportamentos inadequados, por favor notifique-nos: cafehistoria@gmail.com

© 2014   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }