Ricardo Rodrigues Bardy
  • Masculino
  • São Paulo -São Paulo
  • Brasil
Compartilhar
  • Mensagens de blog

Amigos de Ricardo Rodrigues Bardy

  • Martinelle Moraes
  • Bruno F. Henrique
  • Anderson Roberto de Souza
  • Lílian Regina Lopes Amora
  • Hélio Sérgio Ferreira Teixeira
  • Aline
  • Gabriel Dutra da Silva
  • Rafael Monteiro Biancardini
  • Dilma Nunes
  • Thammy Guimarães Costa Borges
  • Gilberto Abreu de Oliveira
  • Leandra Coutinho Armando Piratel
  • EGNALDO ROCHA DA SILVA
  • Silvânio Paulo de Barcelos
  • Vera Nathália
 

Página de Ricardo Rodrigues Bardy

Informações do Perfil

Sobre mim
Graduado em História, com grande interesse sobre história da religião e história da África.
Atividade profissional
Estudante, outro
Formação
Graduado
País
Brasil
Estado
São Paulo
Cidade
São Paulo

Caixa de Recados (6 comentários)

Você precisa ser um membro de Cafe Historia para adicionar comentários!

Às 6:52 em 3 agosto 2012, Solange Cristina Virginio Barbos disse...

Bom dia Ricardo, meu email é sol.real@hotmail.com

Vc pode conhecer um pouco do meu trabalho através do youtube, tem um doc sobre a rota da liberdade la, está dividido em 6 partes: http://www.youtube.com/watch?v=7RH_xm1J_as

Abraço

Às 8:33 em 1 agosto 2012, Solange Cristina Virginio Barbos disse...

Olá Ricardo, estou trabalhando num projeto de Memoria da Diaspora Africana aqui no Vale do Paraíba, em SP e gostaria muito de receber seu TCC.

Grande abraço,

 

Solange

Às 20:14 em 8 abril 2012, Hélio Sérgio Ferreira Teixeira disse...

Olá Ricardo, é uma honra recebe-lo no grupo fazendas de café e os escravos, saudações Hélio Sérgio.

Às 9:36 em 2 abril 2012, Bruno Leal disse...

Salve, Ricardo! Bom dia!

Queria parabeniza-lo por suas ótimas intervenções em fóruns e grupos do Café História. É muito bom contar com a presença de colegas interessados no bom debate. Sinta-se em casa aqui na rede. Um grande abraço,

Às 0:17 em 24 abril 2010, Silvânio Paulo de Barcelos disse...
Boa noite caro Ricardo,
Não sei qual a linha teórica que estás utilizando. Mas no meu caso estou revendo a história da própria escravidão que é a memória mais imediata deles. Tenho aprendido muito com o Paul Gilroy (Atlântico Negro) e as obras do Stuart Hall disseca bem a questão da identidade. A Patrícia de Santana Pinho tem um trabalho maravilhoso: Reinvenções da África na Bahia. Bem o que quero dizer é que precisamos entender a condição do negro no mundo moderno e também contemporâneo para depois analisar seja lá o que for nas comunidade quilombolas, entende? abraços
Às 10:06 em 23 abril 2010, Silvânio Paulo de Barcelos disse...
Oi amigo, desculpe responder só agora, estava viajando. Olha segue algumas dicas sobre a historiografia que trata de assuntos quilombolas, ok:
http://www.iuperj.br/biblioteca/teses/andr%C3%A9%20figueiredo.pdf
http://www.smec.salvador.ba.gov.br/documentos/quilombos-no-brasil.pdf
http://ceas.iscte.pt/etnografica/docs/vol_04/N2/Vol_iv_N2_333-354.pdf
Livros: Mocambo: Antropologia e História do processo de formação quilombola (José Maurício Arruti)
Livros: Liberdade por um fio: história dos quilombos no Brasil
JJ Reis, F dos Santos Gomes - 1996 - Companhia Das Letras
Livros: Histórias de quilombolas: mocambos e comunidades de senzalas no …
F dos Santos Gomes - 2006 - Companhia Das Letras
Acho que pra começar já está bom. Um grande abraço

Silvânio
 
 
 

Boletim Café História

Anúncio

Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

© 2017   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }