Letícia Lilian
  • Feminino
  • Goiânia, Goiás
  • Brasil
Compartilhar
  • Mensagens de blog

Amigos de Letícia Lilian

  • Cláudio Lucas Lobato Gomes
  • JEAN ROGER FERREIRA
  • Hermes Rodrigues
  • Fabrício Soares
  • Luiz Fernando Confessor Rodrigue
  • Joaes Alves
  • Tayane Alves
  • IDBAS DO AMARAL PANTOJA
  • Leonardo Barros
  • Davi Ramos
  • Fernando Costa e Silva
  • Mateus Cruz
  • Matheus Sousa
  • Marcos Perez
  • Vinícius Presto de Paiva
 

Página de Letícia Lilian

Informações do Perfil

Atividade profissional
Estudante
Formação
Graduando
País
Brasil
Estado
Goiás
Cidade
Goiânia

Caixa de Recados (13 comentários)

Você precisa ser um membro de Cafe Historia para adicionar comentários!

Às 21:44 em 18 setembro 2016, Orenil Machado disse...

 
Dr. Hollywood, O MÉDICO DAS FAMOSAS TE CONVIDA PRA SER UM CONSULTOR(a) DA EMPRESA QUE ELE AGORA FEZ NOVA PARCERIA.
 
RENDA EXTRA NAS HORAS VAGAS.
Palavras do Dr. Rey: https://youtu.be/RFcoQChM69o
 
Presidente Tak Movae: https://youtu.be/XOr3WprWER4
 
Apresentação plano de carreira: https://youtu.be/VLbv6CDZxeg
 
WHATSAPP (21)983326866 -TIM
ORENIL MACHADO
Às 12:03 em 10 março 2015, Krishnamurti Góes dos Anjos disse...

Aos meus amigos(as) do CAFÉ HISTÓRIA. Compartilho a notícia abaixo e posso enviar para aqueles se interessarem. Meu último livro o Romance O Touro do Rebanho - Memória da Sedição dos Alfaiates de 1798 na Bahia onde se deduz as elementares razões para a pena de enforcamento e esquartejamento de quatro pobres homens do povo, proferida por uma corte de magistrados devassa e corrupta. Editado pela Chiado Editora de Lisboa, foi o vencedor do prêmio Internacional José de Alencar da União Brasileira de Escritores/RJ em 2014.

Baseando-se em documentos reais nunca publicados, a obra (que me tomou oito anos de pesquisas no Brasil e em Portugal), mostra como a Relação da Bahia, concebida para ser a mais alta corte que se poderia recorrer no Brasil, e que julgou os réus acusados da sedição de 1798, chega ao final do século XVIII em um estado de corrupção moral tamanha, que recebeu viva repreensão do próprio Conselho Ultramarino de Lisboa. Prova a existência de um plano do chefe da Divisão das Armadas Navais da República Francesa para o apoio militar que aquela nação daria à Conjuração Baiana e finalmente, aponta para os fortes indícios da participação de elementos ligados à Conjuração mineira de 1789, na conjuração baiana, sugerindo articulações políticas entre esses movimentos pela Independência do Brasil. 365p Impresso em Lisboa. R$ 40,00 (com frete incluso- em todo o Brasil), e devidamente autografado. 

Às 22:26 em 25 maio 2013, Dennis Michael disse...
Pobre Narciso . Se afogou apaixonado pela singela imagem de sí mesmo refletida no espelho da água. Se almenos tivesse a chance de ver A mais bela filha de Afrodite leticia , Não teria se afogado no lago. Sera que esse pobre mortal pode ser amigo de uma Deusa?
Às 22:43 em 22 maio 2013, Seloé Pacheco disse...
Oi Jovem
Gostaria de ser adiconado para fins de troca de informação cultural
Abraços
Às 8:02 em 16 janeiro 2013, Joaquim Fernandes disse...

Viva,

Venho dar-lhe nota da recente publicação do meu novo livro, o 1º volume da "História Prodigiosa de Portugal. Mitos&Maravilhas". Vol. I. ( Quidnovi ).

http://www.wook.pt/ficha/historia-prodigiosa-de-portugal/a/id/14145713

Espero que este trabalho original possa merecer o seu interesse pelas referências comuns à cultura luso-brasileira .

"Desnuda-se o interior da História e acham-se "estórias" de encantar que explicam a dolorosa pele do real de hoje, 
quiçá as causas de uma 
crise resiliente, cíclica. 
Atitudes mentais, crenças e superstições que resistem na lentidão dos séculos, dos anos e dos dias; 
venerações de deuses maiores e menores, mas também de demónios tão terrenos e actuais..."

Cordiais cumprimentos

Joaquim Fernandes, PhD
CTEC Board - Centro Transdisciplinar de Estudos da Consciência 
Universidade Fernando Pessoa
Praça 9 de Abril, 349
4249-004 Porto

Portugal

Às 16:13 em 11 janeiro 2013, Carlos Roberto (Agamenon Troyan) disse...

VEJA BEM

*Robson Leal Pereira

 

Enquanto tantos gastam desmedidamente

Comprando coisas sem importância,

Há quem não tenha onde morar

E nem ao menos o que comer.

 

Pessoas correm para baixo e para cima

Orgulhosas de suas vidas vazias

Querendo mais, sempre mais

Dinheiro, poder, reconhecimento

Vivendo num mundo de aparências.

 

Tais pessoas vivem angustiadas

E nem sabem o que é ter paz

O que é amor, sentir alegria

Não experimentaram ainda

O doce sabor da felicidade.

 

Há quem não tenha o que vestir

Há quem não tenha onde morar

E nem ao menos o que comer;

Mas são felizes de alma

Pois têm a maior riqueza que se pode ter:

Jesus Cristo no coração.

 

* Poeta, ator e dramaturgo machadense, autor dos livros:

“No Espírito do Natal”, “Garimpeiro de Letras e Versos” e “Nas Asas da Esperança”.

Às 11:35 em 18 dezembro 2012, Carlos Roberto (Agamenon Troyan) disse...

O Natal está chegando, e para você que pretende presentear uma pessoa querida e especial, uma boa opção é o livro: “NO ESPÍRITO DO NATAL”, do  autor e dramaturgo machadense Robson Leal Pereira, com prefácio escrito por Cônego Walter M. Pulcinelli.

O livro encontra-se à venda na Livraria Ágape (antiga Livraria Católica), na esquina da Rua Dom Hugo com a Joaquim Floriano, pelo valor de R$ 10,00.

Contato:

Robson Leal Pereira

Caixa Postal, 010

37750-000

Machado-MG

(35) 9119-6723

machadocultural@gmail.com

Às 18:42 em 22 agosto 2012, Anderson Roberto de Souza disse...

Oi Leticia, comecei como colunista num blog de um amigo sobre espiritualidade, se der da uma passadinha por lá
http://diariodoadeptu.blogspot.com.br/2012/08/estado-vibracional-saude-fisica-e.html

Às 13:59 em 6 julho 2012, Bárbara Lira disse...

Olá Letícia tudo bem? Em setembro acontecerá o congresso internacional de História da UFG/Jataí. Você vai? Pergunto isso, porque eu vou junto com uns colegas daqui de Manaus, e estamos tentando contactar pessoas de GO, pois precisamos de ajuda com dicas de hotéis entre outras coisas. Abraços, Bárbara

Às 7:55 em 25 junho 2012, Gessy Wellington Martins Pedroso disse...
Obrigado por me adicionar no Café História! Beijos!
 
 
 

Boletim Café História

Anúncio

Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

© 2017   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }