Cemiterio São João Batista de Manaus

Edificado em 1891,o cemiterio São João Batista de Manaus nos revela através de suas lápides,todo o processo de transformação histórica da cidade.

  • foto
  • foto
  • foto

Comentar

Você precisa ser um membro de Cafe Historia para adicionar comentários!

Entrar em Cafe Historia

Comentário de Carla Nagel em 24 agosto 2009 às 23:52
Olá Milton
Realmente a arte fúnebre é fascinante e sua idéia é muito interessante.
Tenho interesse em alguns cemitérios luteranos de Santa Catarina e Rio Grande do Sul.
Comentário de MiIton Cavalheiro Mendes em 24 agosto 2009 às 19:49
A arte fúnebre sempre despertou o meu interesse. Ando cogitando empreender um registro dos inúmeros cemitérios de pequeno porte espalhados pelo interior do Rio Grande do Sul. Por enquanto estou apenas namorando a idéia, na medida em que o trabalho exige muito tempo e disposição para rodar na poeira.
Vamos ver...

Links Patrocinados

Cine História

Relatos Selvagens

Acaba de chegar aos cinemas brasileiras a produção argentina “Relatos Selvagens”, dirigida por Damián Szifron e com Ricardo Darín como protagonista.

Sinopse: Diante de uma realidade crua e imprevisível, os personagens deste filme caminham sobre a linha tênue que separa a civilização da barbárie. Uma traição amorosa, o retorno do passado, uma tragédia ou mesmo a violência de um pequeno detalhe cotidiano são capazes de empurrar estes personagens para um lugar fora de controle.

café história acadêmico

Revolução Mexicana: confira, na íntegra, o artigo “A Revolução na encruzilhada: uma análise da arte revolucionário do muralismo mexicano a partir da imagem: “O Homem Controlador do Universo”, de Diego Rivera, do historiador Rafael Hansen Quinsani, da UFRGS. 

EVENTO EM DESTAQUE

Parceiros


Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

© 2014   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }