História do Rio de Janeiro

Informação

História do Rio de Janeiro

Espaço destinado aos apaixonados pelo Rio de janeiro.

Membros: 407
Última atividade: 18 Mar

Fórum de discussão

Preciso de Ajuda Bibliograficas, Inicio da Monografia.

Iniciado por bruno eduardo santos da silva. Última resposta de bruno eduardo santos da silva 11 Jul, 2011. 7 Respostas

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de História do Rio de Janeiro para adicionar comentários!

Comentário de Juliana Werneck em 17 março 2010 às 16:18
Olá, compartilhar, relembrar e aprender mais sobre a Cidade Maravilhosa, vai ser um grande prazer....
Comentário de alexandre silva volk em 16 março 2010 às 21:31
olá Rio de Janeiro é vida, é a Cidade Maravilhosa, vamos aprender um pouco, quero compartilhar o que sei com os amigos!
Comentário de Rachel Araújo da Silva em 16 março 2010 às 11:46
sou grande fã da história do Rio de Janeiro, será um prazer compartilhar com você"s essa maravilhosa história.
Comentário de Valmir Farias em 25 fevereiro 2010 às 21:23
Olá, estou trab os escravos no Rio de janeiro,
abraço a todos
valmir
Comentário de Daniele em 17 dezembro 2009 às 8:01
Olá a todos e todas
Então preciso de referencias bibliográficas sobre o Rio de Janeiro dos anos 1930, alguem poderia dar essa ajuda?
Desde já Grata
Comentário de Regina Gonçalves em 9 novembro 2009 às 18:19
Rio Antigo é Machado de Assis numa confeitaria também D Pedro II indo até o teatro numa comitiva usando roupas não tão luxuosas. Uma época de ebulição da literatura, músia e Chiquinha Gonzaga a luta pelo fim da escravidão.
Tudo isto deu-me inspiração e acabei por escrever um livro " D Pedro II e o jornalista Koseritz ~.~

Quem tiver interesse em ler trechos
ENTREVISTA COM D. PEDRO II

http://www.caiozip.com/trechoentrevis.htm

Uma conversa animada com Chiquinha Gonzaga,Machado de Assis,Cruz e Souza e muito mais.

http://www.caiozip.com/trechoimpera.htm

.
Comentário de Amanda Souza em 9 novembro 2009 às 18:05
Ahhh...."Minha alma canta, veja o Rio de Janeiro. Estou morrendo de Saudade. Rio seu mar praias sem fim. Rio você foi feito pra mim." Minha cidade, minha paixão, meu interesse, meu tema de monografia, minha especialização!!!! Gosto tantoooo!
Comentário de Patricia Rodine da Silva em 14 agosto 2009 às 15:36
Olá pessoal! Estou iniciando meu TCC e escolhi como tema A formação das favelas cariocas a partir das políticas habitacionais ao longo dos séculos. Ainda não delimitei muito bem meu tema, por isso mesmo estou aqui para pedir sugestões bibliográficas sobre o tema. Se alguém puder me ajudar gradeço muitíssimo!
Comentário de PEDRO CUNHA em 13 agosto 2009 às 5:35
VAMOS COMENTAR O BRASIL DO SÉCULO XVI E O RIO DE JANEIRO EM ::
http://cafehistoria.ning.com/profile/PEDROJORGEDACUNHA
Comentário de Flávio Moraes em 12 agosto 2009 às 22:31
Olá para todos criei também o grupo Noel rosa tenho certeza que quem se interessa pelo Rio também se interessa por Noel quem quiser conferir o link esta aqui:http://cafehistoria.ning.com/group/noelrosa
Abraços Flávio Moraes
 

Membros (407)

 
 
 

Links Patrocinados

documento histórico

Versão digitalizada do decreto que aboliu a escravatura no Brasil, dando origem à Lei Áurea. O documento é assinado pela Princesa Imperial Regente Isabel, pelos senadores Primeiro Vice-Presidente Antônio Candido da Cruz Machado, Primeiro Secretário Barão de Mamanguape e pelo Segundo Secretário do Joaquim Floriano de Godoi. O manuscrito original faz parte do acervo do Arquivo do Senado Federal. Faça aqui o download em alta resolução desta importante peça da História do Brasil: http://goo.gl/ewCcee

Conteúdo da semana

Depoimento do coronel reformado do Exército, Paulo Malhães, ex-agente do Centro de Informação do Exército, que atuou em diversas missões de extermínio de opositores da ditadura e também na Casa da Morte. No depoimento, ele admite tortura, mortes, ocultações de cadáveres e mutilações de corpos.

Cine História

Cortinas Fechadas

Chega aos cinemas brasileiros o drama iraniano dirigido por Kambolza Partovi e Jafar Panahi, “Cortinas Fechadas”.

Sinopse: Vivendo em prisão domiciliar após ter sido condenado pela justiça iraniana, sob a acusação de denegrir a imagem do governo do presidente Mahmoud Ahmadinejad com seus filmes, o cineasta Jafar Panahi tem seu cotidiano apresentado neste filme.

Parceiros


Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Fale Conosco

Encontrou alguma mensagem racista, preconceituosa ou ofensiva no Café História? Entre em contato conosco. Teremos o prazer em ajuda-lo(a):

Nosso email: cafehistoria@gmail.com

Parceria: NIEJ-UFRJ

Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

© 2014   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }