História do Nazismo/Fascismo

Informação

História do Nazismo/Fascismo

Debater a história dessas duas correntes ideológicas

Site: http://maressaoliveira.blogspot.com
Local: Mundo
Membros: 337
Última atividade: 5 Maio, 2015

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de História do Nazismo/Fascismo para adicionar comentários!

Comentário de Fábio Lopes Chaves em 25 março 2015 às 1:55

Gostaria de saber se o grupo abarca o estudo do nazismo e  fascismo em suas atuais configurações

Comentário de Ana Maria em 20 agosto 2012 às 11:42

Prezados amigos,

Convido-os para o lançamento do livro de minha autoria, Nazismo Tropical? O Partido Nazista no Brasil, resultado de minha tese de doutorado e prefácio do Prof. Renato Dotta.

Lançamentos: SANTO ANDRÉ Casa da Palavra Praça do Carmo s/n 24/08/2012 às 20h

CAMPINAS ANPUH SP – XXI Encontro Regional de História UNICAMP – Campinas –SP 5/9/2012 às 19h30

Vendas com autora. R$35,00 + frete. Escrever para anadietrich1@gmail.com

Comentário de Amanda Schmidt em 15 junho 2012 às 16:24

a história se repete... veja a faxina étnica na guerra da Iugoslávia, Ruanda, Sudão, Serra Leoa

Comentário de Douglas Luis De Azevedo Bezerra em 27 novembro 2011 às 17:19

  Falar sobre o Nazismo é falar do seu principal criador Adolf Hitler, muitos não deram importância aos seus escritos na prisão, onde o mesmo abordava suas ideologias, entre elas a formação de uma nação ariana, muitos não imaginavam que anos depois seus escritos deixariam a teoria e entrariam na prática, o Holocausto foi uma realidade que matou milhões de judeus, mas não só judeus, comunistas, ciganos homossexuais, entre outros.

  A história não serve pra contar só o passado, mas para analisar de forma critica esse passado e procurar não cometer os mesmos erros no presente, não pode existir um 2º Adolf Hitler. 

Comentário de João Gabriel Oliveira Martins em 10 novembro 2011 às 17:10

Imigração em massa é sempre um problema. Isso é um fato.

Comentário de HUGO P em 31 outubro 2011 às 19:41
para o projeto de pesquisa...
Comentário de HUGO P em 31 outubro 2011 às 19:40

alguem te uma boa referencia para história do fascimo - é urgente! por favor, apenas um ou dois livros bons!

Agradeço.

Comentário de Ильич em 9 julho 2011 às 20:45

Saraiva, pesquisador?? Você nunca utilizou um argumento plausível sobre NADA.... vc é um tapado racista, asqueroso, que só abre a boca pra falar merda... um alienado, cara... gosta de ameaçar os outros, mas é um frouxo, assim como toda a sua corja racista... se vocês são tão corajosos, porque não aparecem com o discursozinho imbecil nas manifestações que vocês tanto condenam?? se você está tão certo do que acha, porque não sai às ruas?? procura o pessoal da RASH, aí, bota sua carinha de bebê exposta e diz o que acha, assim como os camaradas da RASH dizem... escancara... sai de traz do computador, imbecil...

fala sobre o que você acha de democracia... diz o que você acha da KKK... diz o que você acha das "raças", cara... diz... diz se existe hierarquia, e diz mais, diz onde nós brasileiros nos encaixamos... diz o que você pesquisa, porque não vejo você utilizar um argumento em nenhuma discussão... você só gosta de lamber o sac... de figuras como NãoAcredite.Vegete (Dino-SAURO)...

por último, e não discuto mais com você, dá um pulinho aqui no Brasil. pra constatar nossa "inferioridade", fio, vem... e se for um pouquinho coerente, saia do blog... é um blog feito por um brasileiro e a maioria dos participantes são brasileiros, se não gosta da gente, CAI FORA!!

Comentário de Guilherme Evandro de Oliveira em 9 julho 2011 às 19:23

Alexsandro, sou contra a abertura como sou contra a proibição. Esses problemas de imigração devem ser tratados com uma política séria e acima de tudo humana. Entender que os migrantes não vêm a toa. O que não dá para fazer é fechar os olhos ou agir com hipocrisia, como certos europeus. Nacionalista, mas humano.

 

Então, estamos aqui. É a história e a natureza, não adianta ir contra.

 

Abraços,

Guilherme

 

Comentário de Guilherme Evandro de Oliveira em 9 julho 2011 às 17:58

Sr. Luis Saraiva, me considero um nacionalista brasileiro, amo a diversidade cultural e etnica do meu país. Me sinto orgulhoso de ter nascido aqui e lutarei por minha terra até o último minuto.

Também sou pesquisador, e me posiciono contra qualquer tipo de política que impeça a invasão ou que promova tal invasão, ambos são práticas artificias.

Os seres humanos e todos os demais animais, sofreram miscigenações durante a história. Negar isso é burriçe.

O isolamento geográfico e cultural (este em menor medida), aliado a adaptabilidade, fez as diferenças etnicas (que alguns costumam chamar de raças).

Migrações ocorreram sempre. Os europeus querem bancar uma de espertões, quando precisaram migrar fizeram, agora querem impedir outros povos de fazer também. É no mínimo revoltante. Ninguém deixa seu país por nada. Ninguem saí quando está tudo bem. E agora os europeus são "vítimas".

Acham que a Europa sempre foi assim, com esses povos? Vão estudar... E Europa não vai morrer, ela pode mudar de cara (como os europeus fizeram com a América, com a Africa, com a Ásia e Oceania), mas não vai morrer.

 

p.s.: E se eu mal do PNR na sua frente, você ia fazer o que?

 

Saudações nacionalistas brasileiras!

Guilherme

 

 

Membros (334)

 
 
 

Boletim Café História

Anúncio

Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

© 2017   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }