Partindo do fato de que somos muitos e que nem sempre sabemos o que os colegar estão pesquisando, proponho uma apresentação com os seguintes itens:

1. Meu nome

2. Onde estou

3. O que pesquiso

4. Publicações (se quiser compartilhar)

Acho que é uma forma de nos conhecermos melhor e de trocar ideias sobre pesquisa.

Nome: Natania Aparecida da Silva Nogueira

Onde: Leopoldina (MG) - sem filiação acadêmica no momento.

Trabalho com educação e quadrinhos, gibiteca, já escrevi artigos sobre Agostini, Nair de Teffé, Wilde Weber e atualmente estou pesquisando quadrinhos de super-heróis nas décadas de 40 a 60.

Exibições: 406

Anexos

Respostas a este tópico

1- Felipe de Menezes Silva
2- Rio de Janeiro (UFRJ)
3- Sou da área de estudos judaicos e estou trabalhando numa monografia sobre as possibilidades e os limites da representação do Holocausto nos quadrinhos.

Nome: Jefferson Lima

Onde: Florianópolis (SC) - Mestrando do PPGH/UDESC

Pesquisa: Representação do Punk na revista Chiclete com Banana, atualmente estou realizando um levantamento de revistas infanto-juvenis da década de 90 para pesquisa futura.

Publicações: Já publiquei artigos em Anais de eventos e revistas sobre: Chiclete com Banana, Gen pés descalços, Quadrinho como documento histórico, entre outros.

Jefferson me ofertou um artigo que foi fundamentou num que fiz.

Artigo do Jefferson:
LIMA, Jefferson. Sugestões para a Pesquisa dos Quadrinhos como Fontes Históricas. Anais do XXVI Simpósio Nacional de História - ANPUH . São Paulo, julho 2011.

Meu artigo:
LIMA, Savio Queiroz. Pesquisando História nos Quadrinhos: A pesquisa de quadrinhos na História e da História nos quadrinhos. Anais do II Encontro Nacional de Estudos sobre Quadrinhos. UFPE, Recife. 2012.

Natania,

Sou o editor do Café História. Aprecio muito a mobilização que você está promovendo no grupo.

Farei o possível para divulgar o grupo e dar o desataque que ele merece. 

Abraço

Bruno Leal

Bruno Leal,

A recíproca é igualmente verdadeira, pretensiosamente falando em nome de todos aqui. Nossos esforços são herculâneos para que nosso objeto-fonte não se torne melhor ou mais importante, mas que ganhe a respeitabilidade igualitaria que merece junto a outros objetos-fontes. Já temos eventos próprios e estamos nos inseridos em todos os eventos que podemos. Somos pensadores de diversos lugares diferentes, nunca perdemos o contato depois de estabilizado  o Café História foi muito importante nisso. Amadureci muito com os colegas e amigos que fiz aqui. E vamos a luta!!!!

Abraços a todos!

Olá Bruno! Agradeço imensamente a divulgação do grupo!

Acredito que falo por todos sobre a importância do espaço disponibilizado!

Obrigado e um Abraço

Jefferson Lima

1- Rodrigo Aparecido de Araujo Pedroso

2- São Roque (SP) sou mestrando em História Social na USP

3- Desenvolvo uma pesquisa sobre o Capitão América e sua relação com os contextos históricos dos EUA e também faço quadrinhos underground toscos vejam o meu blog:O VICIADO

4- Este é o artigo mais recente que publiquei no encontro regional da ANPUH no ano passado: REPRESENTAÇÕES DA GUERRA DO VIETNÃ NAS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS DO C...

1. Savio Roz (Savio Queiroz Lima)

2. Salvador - BAHIA.

3. História... mas investigada pelo prisma dos super-heróis.

4. Tenho divertidas publicações que poucos realmente leram mas muitos conhecem. Os amigos super-heróis me fazem críticas e sugestões enriquecedoras, os vilões torcem a boca e juram vingança.
Entre tantos, penso a Mulher Maravilha (com quem divido parco interesse com a amiga Natania), penso o Pantera Negra (o trabalho que mais abarcou destaque nas academias), o Capitão América (um dos mais polêmicos, principalmente aos críticos), o Super-homem (o preferido de um super-amigo), entre trabalhos sobre representação de idal de indivíduo, construção social das cidades e das vilanias e até mesmo os traços arquetípicos medievais resistentes no mundo contemporâneo. Provoco vespeiros em todas as minhas incursões.

1. Meu nome: Renata Andrade

2. Onde estou: Bahia (UFRB)

3. O que pesquiso:Tirinhas do Quino, especificamente as da Mafalda, problematizando questões como imperialismo e subdesenvolvimento na América Latina no contexto da Guerra Fria.

Muito legal, Renata. Seja bem-vinda!!

Nome: João Vinicius Marques Gaia

Onde: Macapá (AP) - Graduando em História pela UNIFAP e pesquisador do CPTP

Pesquisa: Estou trabalhado na produção do meu TCC. Estudo a relação Estado/Sociedade em V de Vingança.

1. Fábio Vieira Guerra

2. Rio de Janeiro (RJ) - Doutorando em História pela Universidade Federal Fluminense (UFF)

3. Fiz mestrado também pela UFF abordando os conflitos sócio-políticos dos EUA nas décadas de 60 e 70 usando as revistas da Marvel Comics. Continuo com essa temática no doutorado, mas agora da década de 1980 até os dias atuais enfocando as narrativas as questões do Tempo Presente.

4. Link para a minha dissertação http://www.historia.uff.br/stricto/teses/Dissert-2011_Fabio_Vieira_...

RSS

Links Patrocinados

café história acadêmico

História do Brasil contemporâneo: Confira na íntegra a tese de doutorado "De Sarney a Collor: reformas políticas, democratização e crise (1985-1990)", defendida por David Maciel em 2010, na Universidade Federal de Goiás. Clique na imagem.

Cine História

Boa sorte

Está em cartaz nos cinemas nacionais o filme brasileiro "Boa sorte", dirigido por Carolina Jabor e com Deborah Secco no elenco. 

Sinopse: O adolescente João (João Pedro Zappa) tem uma série de problemas comportamentais: ele é ignorado pelos pais e se torna agressivo com os amigos de escola. Quando é diagnosticado com depressão, seus familiares decidem interná-lo em uma clínica psiquiátrica. No local, ele conhece Judite (Deborah Secco), paciente HIV positivo e dependente química, em fase terminal. Apesar do ambiente hostil, os dois se apaixonam e iniciam um romance. Mas Judite tem medo que a sua morte abale a saúde de João.

Parceiros


Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

© 2014   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }