Informação

Fazendas de café e os escravos

Histórias e fotos das antigas fazendas de café, que foram fundadas nos séculos XVIII e XIX, algumas no regime das sesmarias. Também a história e fotos de algúns escravos que nelas viveram. Ele é dedicado a todos que gostam das antigas fazendas, dos escravos e das histórias de assombrações.

Local: Mar de Espanha / Pequeri MG.
Membros: 46
Última atividade: 20 Jun, 2012

Fórum de discussão

Este grupo ainda não possui nenhum tópico.

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de Fazendas de café e os escravos para adicionar comentários!

Comentário de Bruno Leal em 20 junho 2012 às 10:56

Hélio, bom dia!

Rapaz, com essa quantidade de fotos na página, o Grupo praticamente morreu. Lembro que temos um espaço somente de fotos. O Grupo é feito para abertura de fóruns. Então, para que o grupo dê certo, não publique fotos neste espaço. Fica a dica. Abraço!

Comentário de Maria Clara Xavier Teixeira em 8 abril 2012 às 6:40

As lindas as fazendas ainda estão lá, cheias de histórias e assombrações! 

Comentário de Anfilofio Salles Martins em 12 fevereiro 2012 às 16:16

Preciso do email do Helio Sergio, favor contatar-me, somos conterrâneos. Gostei muito do Blog. Anfilofio Salles 

Comentário de Hélio Sérgio Ferreira Teixeira em 7 dezembro 2011 às 18:00

Olá ilustre amigo, Aloysio Clemente M I de J Breves Beiler, fico feliz por seu ingresso no grupo, um abraço.  Hélio Sérgio.

 
 
 

Links Patrocinados

EVENTO EM DESTAQUE

café história acadêmico

Período Regencial: Confira na íntegra o artigo "Revisitando o passado em tempos de crise: federalismo e memória no período regencial (1831-1840), de Luiz Geraldo Santos da Silva e Ariel Feldman. Clique aqui

Cine História

Ida

Premiado na última cerimônia do Osar, o polonês "Ida" é uma das mais interessantes produções atualmente em cartaz no Brasil.

Sinopse: A jovem noviça Anna (Agata Trzebuchowska) está pronta para prestar seus votos e se tornar freira, só que antes disso, por insistência da Madre Superiora (Halina  Skoczynska), vai visitar a única familiar restante: tia Wanda (Agata Kulesza), uma mulher cínica e mundana, defensora do Partido Comunista, que revela segredos sobre o seu passado. O nome real de Anna é Ida, e sua família era judia, capturada e morta pelos nazistas. Após essa revelação, as duas resolvem partir em uma jornada de autoconhecimento, para descobrir o real desfecho da história da família e onde cada uma delas pertence na sociedade.

Parceiros


Política de Privacidade

Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

© 2015   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }