LINKS PATROCINADOS

dicas de setembro

Fórum

Como interpretar o filme Guerra nas Estrelas?

Iniciado por Lúcio Emílio do Espírito Santo em Não-categorizado. Última resposta de Lúcio Emílio do Espírito Santo 3 horas atrás . 2 Respostas

Karl Marx ainda é atual para se compreender a História?

Iniciado por Sergio Roberto de Souza Buco em História do Comunismo. Última resposta de Lúcio Emílio do Espírito Santo 18 horas atrás . 108 Respostas

bibliografia comentada

Bibliografia comentada

O historiador Braz Batista Vas, especialista em Guerra do Paraguai, a convite do Café História, preparou uma bibliografia comentada para aqueles que desejam compreender melhor a maior guerra realizada no continente sul-americano.

Membros

CURTA O CAFÉ NO face

Vídeos

  • Adicionar um vídeo
  • Exibir todos

curta o café no face

Parceria: NIEJ-UFRJ

Fale Conosco

Encontrou alguma mensagem racista, preconceituosa ou ofensiva no Café História? Entre em contato conosco. Teremos o prazer em ajuda-lo(a):

Nosso email: cafehistoria@gmail.com

 

mural do historiador

Presença Jesuíta

A revista História e Cultura tem o prazer de anunciar o lançamento de seu segundo número do terceiro volume, referente ao ano de 2014. A edição apresenta o dossiê “Presença Jesuítica nas Américas portuguesa e espanhola”, organizado pela professora Ana Raquel da Cunha Martins Portugal (UNESP) e pelo doutor Fábio Eduardo Cressoni (UNESP), ao qual estão vinculados vinte artigos temáticos e uma resenha. A ideia de presença se apresenta a partir da compreensão da organização dessa Ordem, fundamentada em seus textos fundadores, isto é, os Exercícios Espirituais, propostos por Inácio de Loyola, e as Constituições da Companhia de Jesus. A presença jesuítica em outros espaços, orientada por uma forma específica de ser, se faria presente entre conversos, gentios e infiéis. Desta maneira, este dossiê pretende contribuir para o entendimento das ações propostas por estes religiosos em consonância com os projetos português e espanhol de expansão de seus respectivos domínios coloniais. Confira, na íntegra, aqui


Chamada de Artigos

A Revista Eletrônica Documento Monumento (REDM) lança chamada para submissão de artigos para o 13o volume, que sairá em dezembro/2014. A REDM é uma publicação do Núcleo de Documentação e Informação História Regional (NDIHR),vinculado ao Instituto de Ciências Humanas e Sociais (ICHS) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). A revista receberá também entrevistas, notas prévias, pontos de vistas, resenhas de livros publicados nos últimos cinco anos e transcrições/resenhas de fontes inéditas comentadas. Os trabalhos podem ser enviados até dia 31 de outubro de 2014 para o e-mail ndihr@ufmt.br. Veja as normas de publicação da revista e outras  informações aquiwww.ufmt.br/ndihr/revista


Um só corpo, uma sé carne

A Edufal acaba de lançar a segunda edição do livro “Um só corpo, uma só carne: Casamento, Cotidiano e Mestiçagem no Recife Colonial (1790-1800)”, do historiador pernambucano Gian Carlos de Melo Silva, professor dos cursos de graduação e pós-graduação em história da Universidade Federal de Alagoas (UFAL). O livro, originalmente a dissertação de mestrado de Gian Carlo, foca na mestiçagem verificada no Recife da última década do século XVIII. Baseado em pesquisa documental, o trabalho investiga relações sociais e políticas, além da dimensão do cotidiano, através principalmente dos registros de casamentos. E atenção: quer ganhar um exemplar do livro? Então, envie um e-mail agora para cafehistoria@gmail.com dizendo porque você quer esse livro. A primeira (e só a primeira pessoa) a enviar o email para o Café vai receber um exemplar de "Um só corpo, uma só carne".

Café História TV

Bate-papo

Conversas ativas

Desconectado (10 online)

    Desconectado

    Você está desconectado do bate-papo. Conecte-se para entrar no bate-papo.

    Suspenso do bate-papo

    Neste momento, há várias pessoas conversando sobre história. Para entrar na conversa, você precisa ser membro da rede.

    Faça aqui o seu cadastro!

    café expresso notícias

    'Arqueólogo amador', britânico acha 22 mil moedas romanas

    Homem que trabalha de forma amadora achou conjunto em área particular. Coleção pode ser avaliada em mais de R$ 390 mil.

    Um homem que trabalha detectando metais no solo de maneira amadora descobriu um dos maiores conjuntos de moedas do Império Romano já descobertas no território do Reino Unido. Após a descoberta, Laurence Egerton, de 51 anos, dormiu por três dias ao lado das moedas, enquanto arqueólogos as escavavam, com medo de que elas fossem roubadas.

    Laurence encontrou as moedas em uma área em Seaton, em East Devon, na Inglaterra. O conjunto possui 22 mil moedas de liga de cobre, que acredita-se que foram enterradas por motivos de segurança, mas nunca recuperadas. As informações são do jornal “Daily Mail".

    Laurence Egerton, de 51 anos, posa com as moedas romanas que descobriu na Inglaterra (Foto: Reprodução/Twitter/British Museum)

    Além de ser o terceiro maior conjunto de moedas romanas encontrado na Inglaterra até hoje, a coleção é uma das mais bem preservadas com origem no século IV.

    Laurence fez a descoberta em novembro de 2013, quando trabalhava em uma área privada. “É de longe a maior descoberta que já fiz. Entre eu achar as moedas e os arqueólogos as retirarem, eu dormi no meu carro ao lado do local por três noites”, contou o explorador amador.

    Recentemente, ela foi declarada como um “tesouro” pelas autoridades locais, o que permite que ela possa ser comprada por um museu. Antes disso, ela precisará ser avaliada pelo Comitê de Avaliação de Tesouros, um grupo de especialistas que aconselha o Secretário de Estado. Em teoria, a coleção pode ser avaliada em 100 mil libras (cerca de R$ 393 mil).

    Segundo especialistas do British Museum, as moedas datam de 260 DC a 348 DC, e possuem a imagem do imperador Constantito e de sua família. O Royal Albert Memorial Museum, em Exeter, lançou uma campanha de arrecadação de dinheiro para comprar a coleção.

    Fonte: G1


    Outras notícias

    Descoberta de tumba misteriosa anima gregos em meio à crise econômica

    'Sofri tortura psicológica', recorda capitão sobre ditadura militar no RS

    Pesquisadores encontram face oculta de Stonehenge enterrada a quatro metros do solo

    Cento e cinquenta anos depois, historiografia sobre Guerra do Paraguai ainda tem conflito de versões

    Legado de Vargas persiste 60 anos após suicídio, aponta historiador

    Atenção!

    O Café História respeita a opinião de todos nos mais diversos espaços da rede. Reserva-se, no entanto, o direito de suspender textos de teor ofensivo, agressivo ou que sustente preconceitos de qualquer ordem, que promovam a violência ou que estejam em desacordo com o bom senso e as leis brasileiras. Da mesma forma, o Café História poderá suspender membros que publiquem este tipo de conteúdo. Se identificar algum conteúdo ofensivo ou comportamentos inadequados, por favor notifique-nos: cafehistoria@gmail.com

     
     
     

    Links Patrocinados

    Cine História

    A Oeste do fim do mundo

    Está em cartaz nos cinemas brasileiros a co-produção Brasil-Aregentina, "A Oeste do fim do fo mundo", de Paulo Nascimento.

    Sinopse: Leon (César Troncoso) é um homem introspectivo que vive em um velho posto de gasolina, perdido na imensidão da estrada transcontinental entre a Argentina e o Chile. Seu único amigo é Silas (Nelson Diniz), um brasileiro que volta e meia o visita para trazer peças para consertar a moto dele. Um dia, a paz de Leon é abalada com a chegada de Ana (Fernanda Moro), uma mulher que escapou da tentativa de abuso sexual de um caminhoneiro com quem tinha pego carona. Sem ter para onde ir e no meio do deserto, Ana recebe abrigo de Leon inicialmente para apenas um dia. Só que o tempo passa e ela não consegue sair do local.

    café história acadêmico

    Felipe II: confira na íntegra a tese de doutorado do historiador José Carlos Vilardaga: "São Paulo na órbita do Império dos Felipes: conexões castelhanas de uma vila da América Portuguesa durante a União Ibérica (1580-1640)". O trabalho foi defendido em 2011 na Universidade de São Paulo.

    EVENTO EM DESTAQUE

    Parceiros


    Fotos

    Carregando...
    • Adicionar fotos
    • Exibir todos

    Política de Privacidade

    Para ler nossa "Política de Privacidade", clique aqui.

    © 2014   Criado por Bruno Leal.   Ativado por

    Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

    body, .xg_reset .xg_module_body { line-height: 1.3; }